02/01/2015

Fanfic: The House - parte 3

Hi cherries!
Tudo bem? Hoje eu vou continuar a fanfic, e eu também agradeço aos comentários na parte 1 (♥♥♥) e na parte 2 (♥♥♥)! Realmente, os comentários que fizeram deixaram o meu dia muito mais feliz! Muito obrigado cherries ♥. Mas enfim, vamos ver?

Era um vulto, ele ficava andando em círculos, e provocava um vento muito forte na cozinha, eu estava assustada, e a primeira coisa que Jorge fez, foi sair correndo, resumindo, todos foram para os seus quartos já que eram 21:47, e eu estava ali. Claro, eu não fiquei ali parada assistindo como se eu estivesse em uma sala de cinema! Eu peguei minha câmera e bati uma foto, e em seguida peguei um pouco de sal e vinagre, e atirei contra o vulto, e de repente ele sumiu. Eu estava assustada, e não sabia oque fazer! Se eu gritava, ou se eu chorava, ou talvez eu falava com o Jorge. Mas fui me deitar. E as horas se passaram, até deu 3:05 da manhã, e eu estava acordada, eu não havia dormido nem um pouco, eu só ficava olhando para o lustre que ficava em meu quarto, até que percebi uma coisa estranha naquele lustre. Havia gotas vermelhas, era sangue! Eu fui correndo até o quarto de Jorge. E bati na porta, ele a abriu e perguntou:

- Você sabe que horar são? Cara, oque você quer? Me perguntar se eu quero te ajudar?
Eu respondi:
- Sim, eu sei que horas são, sabe aquele vulto que vimos na cozinha?
Jorge respondeu:
- Claro, realmente deve ter sido a coisa mais sinistra que já vi!
Eu respondi:
- Então, e se ele quer nos mostrar algo, se foi isso que estava atras da Melissa? E eu também achei gotas de sangue, e se alguém morreu aqui?
Jorge respondeu:
- Talvez, mas eu não acredito nestas coisas, deveria ser o Bruno. Afinal, eu quase não o vi.
Eu respondi:
- Deve ser ele, quase sempre é ele pregando uma peça na gente...
Quando alguém bate na porta. Eu falo:
- Eu não vou abrir!
Jorge responde:
- Tudo bem, deixa que eu abro sua esquisitona!
Jorge desce as escadas e vai em direção a porta, quando ele grita:
- Ally! Vem ver isso!
Eu desço correndo as escadas e vou em direção ao Jorge e pergunto:
- Oque foi?
Jorge responde:
- Esta escrito ¨Me ajuda¨ no tapete da entrada! E isso não tava aqui hoje de manhã!
Eu respondo:
- Oh não, não, não, não! É oque eu to pensando?
Jorge responde:
- Acho que sim.
Quando Melissa desce as escadas e pergunta:
- Quem esta ai?... Ah são vocês seus esquisitões. Oque estão fazendo aqui?
Eu respondo:
- Ah, oi Melissa. Cade o respeito com seus irmãos mais velhos?
Melissa responde:
- Foi para a França e não vai voltar.
Eu respondo:
- Com licença eu tenho mais oque fazer da minha vida!
Eu estava com raiva da Melissa, tipo, ela acha que só pois ela é dois anos mais nova do que eu tem direito de me desrespeitar! Ela vai se arrepender! E eu ouço gritos! Jorge grita:
- Ai não Melissa, oque é aquilo?
Eu desço as escadas rapidamente e pergunto:
- Oque?
Jorge responde:
- Olhe!
Melissa respondeu:
-É a mesma coisa que eu vi hoje!
Eu respondo:
- E a mesma coisa que eu e o Jorge vimos!
CONTINUA

6 comentários:

♥ Não falar palavrões
♥ De sua opinião, porém seja educado
♥ Se não gostar de algo e acha que deve melhorar, fale, mas educadamente
♥ Não ofender as postadoras
♥ Troco comentários
♥ Antes de pedir algo, fale sobre o post ou seu comentário será ignorado
♥ Aceito: ¨Seguindo, segue de volta?¨
♥ Não me peça para D-I-V-U-L-G-A-R algo a qual eu não estou participando, se caso eu gostar de algo no seu blog, eu irei divulgar por vontade minha.