27/03/2015

Resenha: Trilogia The Hobbit ▲

Hi cherries!
Bom dia! Tudo bem? Como esta sendo a Sexta-Feira de vocês? A minha esta sendo ótima! Quem aqui adora assistir trilogias? Nesse Sábado, eu e meus pais assistimos o último filme da trilogia ¨The Hobbit¨, mas como eu tinha alguns posts para fazer, eu só acabei conseguindo hoje. Mas enfim, eu já irei avisando que o post contem spoilers para quem ainda não assistiu ^^. Vamos ver?

Sinopse de ¨Uma Jornada Inesperada¨ (com spoiler): O Hobbit começa com Bilbo Bolseiro já idoso, escrevendo seu livro chamado "Lá e de Volta Outra Vez" que narra sua aventura quando jovem, na qual uniu-se à um grupo de anões para recuperar um enorme tesouro e destruir o dragão que o guardava. Ele conta que há muito tempo, em uma terra bem distante à leste, o Reino anão de Erebor era um reino poderoso e próspero, mas com a ganância dos anões por ouro e riquezas, o reino foi tomado pelo dragão Smaug que o guardou durante 60 anos. Ele explica também o grande apreço de dragões por ouro. Enquanto isso chega no recinto o seu jovem sobrinho, Frodo Bolseiro, que pergunta o que ele estava fazendo. Bilbo fecha o livro e diz que Frodo ainda não está pronto para lê-lo. Depois Bilbo sai para seu jardim e senta-se no banco, e a história retrocede então há sessenta anos, com o jovem Bilbo fumando despreocupado seu cachimbo de Hobbit quando aparece o velho mago Gandalf, o Cinzento, que o convida para uma grande aventura. Mas ele recusa a oferta e retorna ao interior de sua casa. Quando chega a noite, sua campainha toca e na porta estava um anão, Dwalin, que entra na casa, come seu peixe e seus bolinhos de arroz. A campainha toca novamente, e chegam sucessivos anões, menos o anão Thorin, líder da companhia e herdeiro do trono de Erebor. Em um momento, alguém bate na porta, e lá estava Thorin. Durante o jantar, o grupo conversa durante muito tempo com Bilbo sobre o motivo da aventura, seus detalhes, e a possibilidade de lucros, mas Bilbo resiste, até que o grupo decide partir sem ele, que não aceitara facilmente a proposta de unir-se na aventura de destruir o dragão Smaug e recuperar o ouro dos anões. Bilbo dorme e acorda apenas no outro dia, quando reflete melhor e decide se juntar ao grupo, assinando um contrato dado por Thorin, e partindo em viagem com eles. No outro dia à noite a companhia encontra uma fazenda abandonada com três trolls: Tom, Bert e William. Eles roubam os pôneis da companhia para fazer o jantar, e após uma série de atritos entre trolls e anões, Gandalf aparece e faz os raios de sol transformá-los em pedra. Esses trolls de pedra serão vistos no primeiro filme da trilogia O Senhor dos Anéis. Depois a companhia parte para Valfenda, após um ataque de orcs na Grande Estrada do Leste, onde repousam, e de onde partem para serem emboscados por gigantes de pedra até a Cidade dos Orcs. Ali acontece o momento chave de toda a saga, quando Bilbo encontra o Um Anel e o pega de Gollum, com quem faz um jogo de adivinhas, que vence por conta de sua última pergunta: "O que eu tenho no meu bolso?", e que Gollum não consegue adivinhar. Então Gollum se dá conta de que Bilbo estava com seu precioso anel e o ataca, mas Bilbo tropeça e o anel cai em seu dedo deixando-o invisível. Ele tira proveito deste fato e foge para fora da montanha e se junta novamente à companhia anã junto de Gandalf. Logo o grupo encontra Azog, o Profano, de quem fogem subindo em árvores. Thorin enfrenta Azog, e ferido, cai desmaiando. Quando um orc ia matá-lo, o agora corajoso Bilbo Bolseiro o defende matando o orc. Depois, chegam ao local as Águias previamente convocadas por Gandalf, que levam todos para Carrocha de onde Thorin vê a Montanha Solitária. CréditosWikipédia. Resenha do primeiro filme: Eu não me lembro muito bem do primeiro, mas eu me lembro que eu tinha gostado bastante!

Sinopse ¨A Desolação de Smaug¨ (com spoiler): Um flashback de um evento ocorrido na cidade humana de Bri mostra Gandalf, o Cinzento (Ian McKellen) convencendo Thorin Escudo de Carvalho (Richard Armitage) a ir atrás da Pedra Arken, que poderá fazer de Thorin o rei de Erebor. Gandalf menciona que ele precisa recrutar alguém ágil e sorrateiro – Bilbo Bolseiro (Martin Freeman) – para roubar a Pedra Arken da Montanha Solitária, que é guardada pelo dragão Smaug (Benedict Cumberbatch). Doze meses depois, imediatamente após o término do primeiro filme, Bilbo, Gandalf, Thorin e o grupo de anões são caçados por orcs através de Carrocha, onde eles encontram o troca-peles Beorn (Mikael Persbrandt) em sua forma de urso. Gandalf leva o grupo a procurar refúgio numa casa próxima que parece ser o lugar onde vive Beorn, quando em sua forma humana. Após dizer que odeia anões, mas que odeia orcs ainda mais, Beorn empresta seus pôneis ao grupo para que eles escapem.

Gandalf separa-se do grupo antes destes entrarem na Floresta das Trevas, pedindo a eles que sigam pela trilha e o esperem no mirante antes de adentrar a Montanha Solitária. Após perderem a trilha na floresta, os anões são capturados por aranhas gigantes. Bilbo, com a ajuda d'O Anel, consegue livrá-los das teias das aranhas. Enquanto lutam contra elas, os anões são capturados pelos Elfos da Floresta. Tauriel (Evangeline Lilly), a elfa chefe da guarda, enamora-se por Kili (Aidan Turner), sobrinho de Thorin. Como resultado, Legolas (Orlando Bloom), filho do rei dos elfos Thranduil (Lee Pace), fica com ciúmes.

Oculto pelo Anel, Bilbo rouba as chaves e ajuda os anões a escaparem do reino dos elfos dentro de barris vazios de vinho através do Rio da Floresta. No caminho, são atacados por orcs que os espreitavam, liderados por Bolg, filho de Azog. Kili, ao tentar abrir o portão, é atingido por uma flecha envenenada de Bolg. Rio abaixo, eles encontram Bard (Luke Evans), um arqueiro descendente do Senhor de Valle, que trabalha recolhendo barris. Juntando suas moedas, os anões pagam propina a Bard para que ele os atravesse pela Cidade do Lago, mas eles são capturados pelo Mestre da Cidade do Lago (Stephen Fry) enquanto tentam roubar armas. Em praça pública, Thorin faz um discurso e convence o povo da cidade que ele voltará com um tesouro, e o compartilhará com todos. O grupo recebe então o armamento e parte em direção à Montanha.

Enquanto isso, Thranduil descobre de um orc capturado, Narzug, que "Ele" retornou, e decide enclausurar o reino para protegê-lo. Mesmo assim, Tauriel sai para ajudar o ferido Kili e Legolas a segue. Na montanha, Bilbo decifra o enigma da última luz do Dia de Durin – que é a luz da Lua –, que ilumina a fechadura que abre a porta secreta da Montanha Solitária. Após entrarem, Thorin manda Bilbo entrar e roubar a Pedra Arken sozinho, mas ele acorda o dragão Smaug, que o descobre. Bilbo avista uma escama quebrada em Smaug, seu ponto fraco, confirmando a lenda. Enquanto isso, Gandalf, após mandar Radagast, o Castanho (Sylvester McCoy) enviar uma mensagem à elfa Galadriel (Cate Blanchett), entra conscientemente na armadilha preparada em Dol Guldur pelos orcs, e trava uma luta contra o Necromante (Benedict Cumberbatch) – de fato, Sauron –, que acaba vencendo e aprisionando Gandalf.

Os dois elfos chegam na hora em que os orcs atacam a Cidade do Lago, e se separam. Tauriel fica para curar o ferido Kili, e Legolas persegue os orcs, enraivecido. Pressentindo que algo está para acontecer, Bard tenta colocar a última Flecha Negra – que pode ferir Smaug – na balista da cidade, para que possa atingir o dragão em seu ponto fraco, mas é preso pelo Mestre da Cidade antes. Na montanha, os anões resolvem entrar e salvam Bilbo. Enganando Smaug, os anões fazem com que ele entre na forja e a acenda cuspindo fogo, e depois tentam matá-lo afogando-o em ouro derretido. Smaug, entretanto, sobrevive e sai voando pela montanha, sacudindo o ouro derretido batendo suas grandes asas. Bilbo assiste em pânico Smaug voar em direção à Cidade do Lago prometendo vingar-se com fogo, destruição e morte. CréditosWikipédia
Resenha do segundo filme: cara, eu adorei! Principalmente o Smaug *-* eu achei o olho dele super lindo! E a parte mais incrível que eu achei é quando ele fica coberto com ouro *-----*.

Sinopse ¨A Batalha Dos Cinco Exércitos¨ (com Spoiler): Bilbo e os Anões assistem da Montanha Solitária o dragão Smaug incendiando a Cidade do Lago. Bard quebra ardilosamente sua prisão e mata o dragão com a última Flecha Negra e seu corpo caindo esmaga o Mestre da cidade em sua tentativa de fuga. Os sobreviventes da Cidade do Lago o escolhem para ser seu novo líder. Kíli confessa seu amor por Tauriel e ele e os outros anões se reúnem com sua companhia na Montanha Solitária; é revelado que Thorin foi infectado com a "doença do dragão", já que ele procura a Pedra Arken. É revelado que Bilbo realmente roubou a Pedra enquanto fugia de Smaug, e concorda com Balin que ela deve permanecer mantida longe do enlouquecido Thorin. O líder da companhia passa a ter os anões construindo um bloqueio na entrada de Erebor.

Enquanto isso, Galadriel e os outros membros do Conselho Branco resgatam Gandalf de Dol Guldur. Sauron aparece e tenta seduzir a Senhora de Lórien, mas ela é capaz de expulsá-lo longe da fortaleza enquanto Saruman e Elrond afastam os Espectros do Anel. Saruman assegura Elrond que Sauron não é uma ameaça sem o Um Anel. Azog, marchando em Erebor com seu vasto exército Orc, descobre com Bolg que um exército élfico sob Thranduil também está se aproximando. Ele envia Bolg para Gundabad para convocar suas forças restantes. Legolas e Tauriel testemunham a marcha de um segundo exército Orc enorme, reforçado pelos Goblins e centenas de morcegos gigantes. Quando o exército de Thranduil chega em Dale, forja uma aliança com Bard para reivindicar o colar de pérolas brancas do tesouro de Thorin. O anão se recusa a compartilhar qualquer parte do tesouro. Depois que Gandalf chega, Bilbo sai escondido da Montanha Solitária para entregar a Pedra Arken a Thranduil e Bard. Seu exercito e o rei dos elfos reúnem-se nas portas de Erebor, oferecendo-se para trocar a Pedra de Thorin pelo ouro. O líder dos anões mais uma vez recusa a oferta de paz de Bard. Pouco antes das forças de Thranduil começarem o ataque contra Erebor, seu primo Dáin chega com um exército de anões. O exército anão se prepara para atacar os elfos quando o exército de Azog faz a sua aparição, convergindo sobre os anões e a cidade de Dale. Com os Orcs em maior número que o exército de Dáin, as forças de Thranduil se juntam à batalha. Thranduil, Bard, Bilbo e Gandalf ajudam na defesa de Dale, mas os Orcs ainda os superam.

Dentro de Erebor, Thorin se recusa a se juntar à batalha. Cai em um pesadelo alucinante e luta para libertar-se da doença do dragão. Finalmente superando sua loucura, leva seus amigos à batalha. Enquanto os outros anões da companhia auxiliam as forças de Dáin, Thorin cavalga em direção a Ravenhill com Dwalin, Fíli e Kíli para matar Azog e forçar a liderança dos exércitos Orc a recuar. Em Ravenhill, Thorin envia Fíli e Kíli à frente para explorar a torre aparentemente abandonada. Fíli é capturado e morto por Azog e suas tropas na frente dos anões. Bilbo é nocauteado enquanto Thorin batalha contra Azog. As Grandes Águias aparecem de repente, levando Radagast e Beorn à luta. Bolg está prestes a acabar com Tauriel ferida antes de Kíli a salvar e morrer nas mãos do inimigo. Legolas mata Bolg, e joga a Thorin sua antiga espada - Orcrist. Thorin é mortalmente ferido por Azog, mas usa suas últimas forças para o empalar.

No rescaldo da batalha, faz as pazes com Bilbo antes de morrer devido os ferimentos. Legolas deixa seu pai para se encontrar com um dos Dúnedain e Tauriel lamenta por Kíli. Bilbo despede-se dos membros restantes da companhia de Thorin e retorna ao Condado com Gandalf. Como a parte dois, Gandalf admite saber que Bilbo esta com um anel de magia e, embora não saiba a sua verdadeira natureza, o adverte contra usá-lo levianamente. O hobbit retorna ao Bolsão encontrando seus pertences sendo leiloados pelo Sacola-Bolseiros, que presumiu que tivesse morrido, e esclarece a sua identidade. Sessenta anos depois, Bilbo, ao refletir sobre o passado de sua jornada em seu 111º aniversário, recebe uma surpresa de alguém batendo em sua porta. Quando o convidado revela ser Gandalf, o hobbit felizmente corre para cumprimentar seu velho amigo. Créditos: Wikipédia
Resenha do último filme: incrível! Cara, eu adorei! Para quem ainda não assistiu eu recomendo!

E enfim, esta é toda a minha resenha! E também me desculpem pelos spoilers das sinopses :v. E para quem já assistiu a trilogia completa, qual a opinião de vocês? E eu já irei avisando que talvez em breve eu traga a resenha do livro ¨Gizela E O Segredo Da Família¨, que eu estou lendo todas as Quintas na aula de Português. O livro contém 128 páginas e eu já estou na 99! Aguardem! Kisses candy!

4 comentários:

  1. Eu AMO os filmes "O Hobbit" (e o livro também) <3 Os filmes foram um dos MELHORES que já assisti, depois dos de LOTR! Mas por que eles tiveram de morrer no filme!? </3 Acho que sou uma das únicas que realmente sentiu por eles terem morrido :'( Até chorei ashuashua'
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  2. Aw,eu simplesmente adoro!
    Resenha ficou muito boa ♥
    Beijo

    imaginesgirl.blogspot.com

    ResponderExcluir

♥ Não falar palavrões
♥ De sua opinião, porém seja educado
♥ Se não gostar de algo e acha que deve melhorar, fale, mas educadamente
♥ Não ofender as postadoras
♥ Troco comentários
♥ Antes de pedir algo, fale sobre o post ou seu comentário será ignorado
♥ Aceito: ¨Seguindo, segue de volta?¨
♥ Não me peça para D-I-V-U-L-G-A-R algo a qual eu não estou participando, se caso eu gostar de algo no seu blog, eu irei divulgar por vontade minha.