15/06/2015

Fanfic: Shadows of Darkness - 11ª parte

Hi cats!
Bom dia! Tudo bem com vocês? Como esta sendo a Segunda-feira de vocês? A minha esta sendo ótima! Hoje de manhã estava bem frio *-*. E hoje é o primeiro dia do nosso especial da fanfic! O único dia dessa semana que não iremos ter a fanfic será Quarta-feira o/. E Terça e Sexta teremos dois capítulos num só post! E então, vamos ver?

Realmente, eu estava suando frio, a minha arma quase escorregava da minha mão. Eu entrei na sala, eu me sentei e fiquei olhando nos olhos dela, enquanto ela mexia no computador.
- O que você quer? - perguntou Audrey.
- Eu gostaria de perguntar se eu posso ficar com essa arma calibre 12. -respondi.
- Por que você acha que merece ela?
- Pois eu vou ir atrás da Verônica amanhã, e preciso me defender. E eu acho que ela é uma das melhores soldadas daqui, certo?
- Qual seu nome?
- Abgail.
- Abgail Tinlel?
- Sim.
- Não acredito! Uma Tinlel! Você sabe a história da sua família?
- Não... Poderia me conta-la?
- Ela é muito longa, mas saiba que vocês são os melhores guerreiros! Foram os que chegaram mais perto do Shadow Cold.
- Sério? Eu não sabia disso. Eu posso ficar com a arma?
- Claro, você veio com quem?
- Com o Nicholas.
- Ah, sim! Com toda certeza ele não vai deixar você nem respirar, quando ele é amigo de alguém ele é amigo mesmo.
- Já deu para perceber isso. - falei com um sorriso.
- Ótimo, ela é sua.
- Muito obrigado.
E eu sai dali, fui procurar o Nicholas. Ele não estava em lugar nenhum, e decidi ir no quarto dele. Ele estava sentado na cama dele lendo alguns livros.
- O que esta lendo? - perguntei.
- Hum, ah, é você. Só um livro sobre sombras.
- Posso ver?
- Pode sim.
Ele chegou um pouco para o lado, me dando espaço para me sentar ao lado dele.
- Parece ser interessante.
- É, tem tudo sobre as sombras: invocação, feitiços e como matar o alfa.
- Alfa?
- Shadow Cold.
- E então, o que diz ai?
- Nada pode mata-lo, só a chama negra. Eu achava que ela era só um mito, mas não. Só ele conhece ela, e ele tem os isqueiro que pode faze-la.
- E como vamos pega-lo?
- Esse é o problema, só a sua família já chegou na moradia dele, e você deveria saber.
- Minha vida foi feita de mentirar, então...
- Tem como invoca-lo. - interrompeu Nicholas.
- Já deveríamos ir dormir para acordar cedo amanhã.
- Amanhã será um longo dia.
E eu me deitei na minha cama, sim, me deitei com a minha mesma roupa.

Amanheceu rápido, eram 6:00 da manhã. Mesmo que não a gente não precisasse dormir, a gente tinha que descansar. E eu não me sentia exausta. Nicholas ainda dormia, e num sono profundo. Cutuquei ele.
- O que você quer? - perguntou sonolento.
- Precisamos ir.
- Mas já?
- Já.
- Ótimo.
- Vamos logo! - falei enquanto amarrava os meus tênis. - eu já estou pronta.
- Pegue alguma fruta com o Nikolai, eu não vou comer nada,  não preciso.
- E porque eu preciso?
- Você é meio humana.
- Certo.
E fui, preferi deixa-lo sozinho. Tinha um cara atrás de um balcão com uma camiseta a qual tinha o seu nome no lado esquerdo. Me aproximei dele.
- Você é o Nikolai? - perguntei.
- Sim, e você princesa?
- Abgail, você tem alguma maça ai?
- Toma. - falou me entregando a maça.
- Obrigado.
E sai dali. Voltei para o quarto, enquanto o Nicholas arrumava uma mochila, eu comia a maça.
- Pronta? - perguntou ele.
- Pronta.
- Precisamos falar com o cara da recepção. Vamos logo.
Eu fui atrás dele. Continua...

4 comentários:

  1. Que fofura (mesmo não sendo ;-;), eu já shippei esses dois mesmo não tendo romance? Sim, shippei!
    Eles são muito fofos juntos cara, e muito perfects :3
    Kissus, aguardo o próximo

    ResponderExcluir
  2. Ai Nate, já shippei o Nick e a Abgail rsrs,fofos <3 Nickabil
    Capitulo ótimo!
    Aguardando os próximos =3
    Bjs

    ResponderExcluir

♥ Não falar palavrões
♥ De sua opinião, porém seja educado
♥ Se não gostar de algo e acha que deve melhorar, fale, mas educadamente
♥ Não ofender as postadoras
♥ Troco comentários
♥ Antes de pedir algo, fale sobre o post ou seu comentário será ignorado
♥ Aceito: ¨Seguindo, segue de volta?¨
♥ Não me peça para D-I-V-U-L-G-A-R algo a qual eu não estou participando, se caso eu gostar de algo no seu blog, eu irei divulgar por vontade minha.